21.7 C
São Paulo
sexta-feira, 19/04/2024

Patronal dificulta negociação no Ensino Superior

Data:

Compartilhe:

Terminou sem avanços, dia 23, a nova rodada de negociação entre patronal e professores e pessoal administrativo do Ensino Superior, representados pela Federação dos Professores do Estado de SP – Fepesp, setor privado. Data-base é 1º de março.

As mantenedoras apresentaram proposta surreal para os trabalhadores, adverte Celso Napolitano, presidente da Federação e do SinproSP: “Não querem pagar o reajuste de 2022. A proposta é indecorosa”. Outro fator de indignação é a intenção das mantenedoras de aplicar só metade da inflação. “Ou seja, querem ficar com a metade do que nos é devido”, ele critica.

O patronal ignora sentença do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-SP), obtida a partir de dissídio de greve instaurado pelos Sindicatos. em 2022. O Tribunal sentenciou reajuste salarial de 10,78%, retroativo à data-base da categoria. As mantenedoras recorreram ao STF, que suspendeu a decisão.

A proposta patronal, apresentada dia 23, foi recusada pela Comissão de Negociação. Celso Napolitano afirma: “Queremos que reconheçam a sentença do TRT e paguem o devido, conforme decidido no julgamento do dissídio de greve que fixou reajuste de 10,78%, retroativo à data base de 1º de março de 2022”. E completa: “Defendemos o que foi deliberado nas assembleias, inclusive novas cláusulas relacionadas a condições de trabalho afetadas pela aplicação de disciplinas à distância”.

Nova rodada de negociação está marcada para a próxima sexta-feira, dia 31. Segundo Napolitano, a categoria não descarta paralisação.

Mais – Acesse o site da Fepesp e do SinproSP.

Conteúdo Relacionado

Escola do Sinpro SP promove novos cursos

A Escola de Professores do Sinpro SP está com vagas abertas para dois novos cursos neste mês de abril. A programação é voltada para...

Portuários fazem paralisação em 14 portos do país

Trabalhadores portuários de diversas regiões do País fizeram uma paralisação de seis horas na manhã de quinta-feira, 18. A ação abrangeu 14 dos 32...

Sindicalismo mantém ganhos reais elevados

Segue alto o índice dos aumentos reais nas negociações coletivas. A avaliação é do Dieese, que publica o boletim mensal "De Olho nas Negociações". O...

Metalúrgicos de Guarulhos vão inaugurar trilha no Clube de Campo

O Clube de Campo do Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região é a maior e mais completa área de lazer da cidade. E...

Frentistas do Rio conquistam aumento de 7,3%

Avanços para os 11 mil trabalhadores em postos de combustíveis do Município do Rio de Janeiro. A Comissão de Negociação, que representa os empregados,...