19.4 C
São Paulo
domingo, 14/07/2024

Adriana Marcolino assume a direção-técnica

Data:

Compartilhe:

Fundado em 1955, o Dieese vive uma situação inédita, com duas mulheres no comando principal da entidade. Na presidência, a sindicalista Maria Aparecida Faria, dos Servidores Públicos da Saúde no Estado de São Paulo. Na direção técnica, Adriana Marcolino, que é Socióloga e faz doutorado em Sociologia do Trabalho, na USP.

A Agência Sindical ouviu Adriana. Trechos principais:

  • Carreira – “Integro o Dieese desde 1998, onde construí minha carreira. Durante vários anos atuei na assessoria de ponta, nas subseções em entidades de classe. Nos últimos 10 anos e até 2022, atuei junto ao Fórum das Centrais Sindicais, colaborando na elaboração da plataforma das Centrais, na construção da Pauta Unitária e também no encaminhamento de  propostas de âmbito nacional”.
  • Conselhos – “Em 2023, passei a trabalhar em Brasília, junto aos espaços de participação do Dieese. Integro o Conselho de Desenvolvimento Sustentável – Conselhão – e o Consea, de Segurança Alimentar”.
  • Brasília – “Minha base de trabalho continuará em Brasília, até pela questão familiar, porque uma das minhas filhas requer cuidados médicos especiais. Mas devo organizar uma agenda fixa em SP, de dois dias a cada quinzena. A maioria dos nossos filiados fica no Estado de São Paulo. A possibilidade de reuniões, seminários e debates online favorece esse formato.”
  • Desafios – “O Dieese pode apoiar o movimento de forma ampla, na esfera política, quanto a legislações, na questão da transição ecológica, incluindo a energética. Hoje, o maior emissor do gás efeito estufa é o agro. A transição precisa ser justa pra que os trabalhadores não sejam punidos. Isso inclui a retomada da bandeira pela redução da jornada de trabalho, até como meio de combater o subemprego e os bicos”.
  • Tecnologia – “É urgente tratar das novas tecnologias e não ceder ao terrorismo tecnológico, separando avanço tecnológico de precarização. As mudanças na economia e no mercado de trabalho têm gerado uma informalidade muito grande. Precisamos encontrar caminhos de representar e organizar esse contingente”.

Serviço – O Dieese funciona por decisões colegiadas. Mandatos têm sido de quatro anos. Escritório Nacional: rua Aurora, 957, Centro, SP. Telefone (11) 3874.5366.

MAIS – Site do Dieese.

Conteúdo Relacionado

Consultor vê País normalizado e Lula mais forte

O ambiente nacional está mais calmo. A economia vai bem. As relações entre Executivo e Legislativo avançaram. E as condições para o diálogo e...

Sindicato e UGT apoiam luta nos EUA

O Sindicato dos Comerciários de São Paulo (filiado à UGT) foi representado pela diretora Maria das Graças da Silva Reis nos atos da Campanha...

Futebol Metalúrgico faz final domingo

Termina dia 14, domingo, o 27º Campeonato de Futebol dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região (Grande SP). Competição já teve 57 partidas, com 195...

Foi forte o Dia da Luta Operária

Teve grande participação sindical e popular a edição 2024 do Dia da Luta Operária, em 9 de julho. Mesmo com frio intenso e chuva,...

Mercado é 0,5% da população, diz economista

Nas últimas semanas, a palavra mercado foi uma das mais utilizadas na mídia, principalmente pelos comentaristas de economia.O viés ideológico dessa cobertura empodera o...