23.3 C
São Paulo
quarta-feira, 17/07/2024

1001 dias e noites de terror com Bolsonaro no poder

Data:

Compartilhe:

Não há nada para celebrar nestes 1001 dias na presidência da República

Com seu jeito fanfarrão e seu discurso de ódio, o presidente Jair Bolsonaro está cumprindo o que prometeu: destruir nosso País.

A economia brasileira está frágil, a pandemia da Covid-19 tirou a vida de quase 600 mil pessoas (em meio às tramoias que a CPI da Covid-19 tem revelado diariamente) e o povo brasileiro ficou sem horizontes de emprego, renda, direitos e ascensão social.

Crescem somente o fanatismo, as fake news, a violência, a destruição de nossas riquezas, a pobreza e a fome.

Felizmente, muitas pessoas que foram iludidas pelo presidente Bolsonaro e pelas fake news estão melhor informadas e sabem agora que este governo não é, nunca foi, nem pretende ser progressista e unir a maioria.

Jair Bolsonaro, porém, continua sendo o representante de um Estado autoritário, antissocial e uma ameaça constante à Democracia.

Não há nada para celebrar nestes seus 1001 dias na presidência da República. Passou da hora, Congresso Nacional! Impeachment, já!

Clique aqui e leia mais opiniões de Miguel Torres, presidente da Força Sindical, da CNTM (Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos, da Força Sindical) e do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes

Acesse – https://www.fsindical.org.br/

 

Conteúdo Relacionado

Eleições metalúrgicas em São Paulo e Mogi das Cruzes – Miguel Torres

Nos dias 6, 7 e 8 de agosto de 2024, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo, na subsede de Mogi das...

Análise da produção legislativa do Congresso no 1º semestre – Neuriberg Dias

O balanço da produção legislativa do primeiro semestre de 2024, considerando as propostas transformadas em normas jurídicas, entre 1º de janeiro e 31 de...

Cuidar das cidades e da população – Murilo Pinheiro

Nova edição do projeto “Cresce Brasil”, lançada pela FNE nesta segunda (15/7), traz propostas factíveis para garantir qualidade de vida e desenvolvimento local.A...

Sindicalismo precisa olhar para os jovens – Manoel Paulo

“Tudo depende dos jovens. De fato, somente os jovens possuem a chave. A coragem e as ações dos jovens transbordantes do espírito de pioneirismo...

Democracia se constrói com igualdade social e respeito – Eusébio Neto

Na disputa da bola vale tudo, mas o respeito ao adversário é um dos princípios para um jogo limpo e ético. A rivalidade em...