18.1 C
São Paulo
sábado, 20/07/2024

CNTA quer manter direitos nas unidades adquiridas pela Lactalis

Data:

Compartilhe:

A francesa Lactalis adquiriu unidades da Nestlé em Araras-SP e Garanhuns-PE. Até aí, tudo bem. Ocorre que, no sindicalismo, a gigante do setor de laticínios é conhecida pela relação ruim com as representações de trabalhadores.

Preocupada com a condição dos empregados, a Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação (CNTA-Afins) mobiliza por direitos.

Segundo Artur Bueno de Camargo, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação, a Lactalis é intransigente no relacionamento sindical. “Em 2021, ela se negou a repor o índice inflacionário nas negociações, alegando dificuldades financeiras. Pouco depois, já está comprando unidades”, critica.

À época, a Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação e outras entidades tentaram a reposição salarial. Em ano de pandemia da Covid-19, os trabalhadores não pararam suas atividades.

Por isso, argumenta o sindicalista, “é injusto que a Convenção Coletiva nas unidades compradas seja depreciada e a relação com os Sindicatos sofra interrupção”.

A fim de informar funcionários sobre a aquisição, a CNTA, a Federação dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação do Estado de SP, o Sindicato de Araras e o Sindicato de Garanhuns realizaram assembleia na porta da fábrica, nesta quinta (15), em Araras.

Artur diz que o objetivo é abrir diálogo com a Lactalis e também mobilizar bases para a próxima Campanha Salarial, data-base outubro.

“Os companheiros estão apreensivos com as mudanças. É preciso agir, pra unificar a luta por reajuste e direitos”, enfatiza Artur Bueno.

CADE – As entidades cogitam acionar o Conselho Administrativo de Defesa Econômica, pois há risco de monopólio. “Pleiteamos Audiência Pública pra entregar a pauta dos trabalhadores; as conquistas forram obtidas sempre com luta e negociação coletiva”, destaca Artur.

Mais – Acesse o site da CTNA Afins, ou da Federação.

Conteúdo Relacionado

Portaria de Marinho é lesiva aos frentistas

O Brasil possui perto de 500 mil trabalhadores em postos de combustíveis e lojas de conveniência.  A categoria, por atuar em ambiente insalubre, recebe...

Metalúrgicos do ABC fazem Arraiá

Mais uma entidade promove Festa Julina. Agora, o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. O arraiá da categoria acontecerá dia 19 e 20 (sexta e...

Sindicatos devem atualizar cadastro no MTE

Sindicatos, Federações e Centrais devem atualizar dados no Ministério do Trabalho e Emprego. Em 1º de julho, foi publicado no Diário Oficial da União...

Comerciários/UGT promovem Mutirão e Encontro Nacional

Dois fatos marcarão o calendário dos Comerciários de São Paulo e também da União Geral dos Trabalhadores (UGT), Central à qual o Sindicato é...

Engenharia propõe “Cidades Inteligentes”

O projeto “Cresce Brasil, Mais Engenharia, Mais Desenvolvimento” é a mais bem estruturada iniciativa sindical rumo ao desenvolvimento, à soberania e ao avanço tecnológico...