CNTM cresce e amplia raio de ação

0
72

Segunda, 11, tomou posse a diretoria da Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos – CNTM. Trata-se de órgão da cúpula do sindicalismo metalúrgico brasileiro, representando 1,9 milhões de trabalhadores, nas 154 entidades filiadas, em todo o País.
A posse foi prestigiada com a presença do vice-presidente da República, Geraldo Alckmin (também ministro da Indústria), Ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho e também de deputados federais e outras autoridades.

Miguel Torres, metalúrgico de São Paulo, foi reeleito presidente. Ele informa que a diretoria foi ampliada, com novas secretarias temáticas. “Já conseguimos superar a meta de chegar a 30% de mulheres na direção”, comemora. Questões como o meio ambiente, juventude, gênero e igualdade salarial entre homens e mulheres passam a ter mais relevância na CNTM.

A Confederação norteia o debate acerca dos grandes temas do segmento profissional e do mercado de trabalho metalúrgico. Também encaminha demandas da categoria ao Congresso Nacional e junto aos governos de Estado e da União.

Indústria – O fortalecimento da indústria nacional é central no plano de ação da Confederação. Nesse sentido, a entidade tem tratado com órgãos como o BNDEs e o próprio ministério da Indústria e Comércio. Segundo Miguel, o desenvolvimento tecnológico é essencial. Mas, observa, “os investimentos voltados ao setor industrial devem contemplar também formação profissional e uma política permanente de qualificação”.

Membro do chamado “Conselhão”, Miguel Torres vê ali espaço ao debate dos temas metalúrgicos e das demandas sindicais em geral. Na reunião desta terça, estava prevista a presença do próprio presidente Lula na parte final do evento.

MAIS – Site da CNTM e Força Sindical.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui