17.2 C
São Paulo
domingo, 21/04/2024

Metroviários em greve sugerem liberar catracas

Data:

Compartilhe:

Após alertas e adiamentos, os metroviários paulistas cruzaram os braços, nesta quinta, 23. Eles querem receber o abono referente à Participação nos Resultados, atrasado desde 2020. Também reivindicam concurso público para novas contratações.

A decisão foi tomada em assembleia na noite da quarta, 22, após audiência de mediação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), que terminou sem acordo.

Contratação – Há tempos, o Sindicato dos Metroviários de SP denuncia a falta de funcionários. No início dos anos 1990, o Metrô transportava cerca de dois milhões de passageiros por dia, com 10 mil empregados.
online pharmacy https://bergenderm.com/wp-content/uploads/2022/09/jpeg/ivermectin.html no prescription drugstore

Hoje, são transportados em torno de 3,7 milhões de usuários, com um efetivo de cerca de 7 mil trabalhadores.

População – Na tentativa de minimizar os impactos na população, o Sindicato dos Metroviários de SP propôs à Companhia do Metrô e ao governo do Estado a liberação das para os usuários.  A proposta foi acatada pelo TRT, que entendeu ser uma forma de evitar transtornos pra população.

Segundo Alex Fernandes, diretor do Sindicato, por volta das 9 horas, a Companhia se pronunciou e aceitou a proposta.  No início da manhã, a entidade orientou os metroviários a retomar os postos de trabalho pra que as estações fossem abertas com as catracas liberadas.
online pharmacy https://bergenderm.com/wp-content/uploads/2022/09/jpeg/strattera.html no prescription drugstore

“Atenderemos a população com toda a segurança. Após anos de desafio, será a primeira vez que faremos a catraca livre em nosso protesto”, informa Alex.
online pharmacy https://bergenderm.com/wp-content/uploads/2022/09/jpeg/neurontin.html no prescription drugstore

Camila Rodrigues, presidente do Sindicato, diz: “Nosso patamar de negociação mudou. Agora a gente pode mostrar para a população que nosso objetivo não é prejudicar ninguém”.

Assembleia – Ainda nesta quinta, a categoria volta a se reunir para definir os rumos do movimento.

Mais – Acesse o site do Sindicato dos Metroviários de SP.

Conteúdo Relacionado

Escola do Sinpro SP promove novos cursos

A Escola de Professores do Sinpro SP está com vagas abertas para dois novos cursos neste mês de abril. A programação é voltada para...

Portuários fazem paralisação em 14 portos do país

Trabalhadores portuários de diversas regiões do País fizeram uma paralisação de seis horas na manhã de quinta-feira, 18. A ação abrangeu 14 dos 32...

Sindicalismo mantém ganhos reais elevados

Segue alto o índice dos aumentos reais nas negociações coletivas. A avaliação é do Dieese, que publica o boletim mensal "De Olho nas Negociações". O...

Metalúrgicos de Guarulhos vão inaugurar trilha no Clube de Campo

O Clube de Campo do Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região é a maior e mais completa área de lazer da cidade. E...

Frentistas do Rio conquistam aumento de 7,3%

Avanços para os 11 mil trabalhadores em postos de combustíveis do Município do Rio de Janeiro. A Comissão de Negociação, que representa os empregados,...