O Sindicato e a Organização Internacional do Trabalho – OIT – Milton de Araújo

0
12

a semana de 10 a 14 de junho, estive no evento da Organização Internacional do Trabalho – OIT, onde tive a oportunidade de me reunir com centenas de dirigentes sindicais de 187 países. Foi uma experiência maravilhosa. Apesar de não falarmos todos a mesma língua, graças à tecnologia disponível, pudemos trocar ideias, informações e muito conhecimento sobre o mundo do trabalho.

Com isso, eu acho importante dizer aos cerca de 40 mil trabalhadores da base, representados pelo Sindicato dos Comerciários de Jundiaí e Região, que a minha presença neste evento, além de elevar o prestígio da nossa categoria, trouxe luz às minhas perspectivas como dirigente sindical.

Nesta ocasião, eu aprendi com pessoas extremamente influentes na área, por sua luta em prol da dignidade das relações de trabalho, como o presidente da Força Sindical, Miguel Torres e o secretário de Relações Internacionais da Central, Nilton Neco, que participaram dos debates sobre o Trabalho Decente e a Economia do Cuidado; e os Princípios e Direitos Fundamentais no Trabalho.

Falamos muito sobre manter a nossa força nas negociações coletivas, durante as Campanhas Salariais, a favor da Classe Trabalhadora. Aproveitamos, ainda, para ressaltar o pacto global firmado pelos presidentes Joe Biden e Lula contra as desigualdades sociais e econômicas que impactam diretamente na vida do trabalhador em todo o mundo.

É preciso estar presente em eventos que elevam o protagonismo das entidades sindicais, porque, no dia a dia, nós lutamos justamente por estas questões defendidas na OIT, como o Trabalho Decente, por exemplo, tema de uma cartilha de minha autoria, com dois volumes publicados até agora. Pretendo, com todo este conhecimento adquirido na 112ª Convenção da OIT, elaborar o terceiro volume desta cartilha, que informa e orienta a categoria sobre esse tema, fundamental para o nosso trabalho.

Milton de Araújo
Presidente do Sincomerciários de Jundiaí e Região