O governo do Estado de SP anunciou nesta sexta (9) que a partir de segunda (12) todo o território paulista avança para a fase vermelha do Plano São Paulo, que deve durar inicialmente até dia 18. As restrições da fase emergencial seguem.

O toque de recolher das 20 às 5 horas permanece. Além disso, cultos religiosos estão proibidos em todo o Estado. Atividades administrativas seguem em home office.

Serviços não essenciais, como shoppings, lojas de departamentos e restaurantes, não poderão receber clientes, mas poder fazer atendimento em esquema de retirada ou entrega. Lojas de material de construção podem reabrir.

Escolas – Apesar da forte mobilização de entidades sindicais contrárias ao retorno presencial das atividades escolares, o governo optou por retomar as aulas, mas com frequência presencial opcional aos estudantes. As atividades devem começar dia 14 de abril e manterão o limite de 35% dos alunos por escola.

Hospitais – A taxa de ocupação nos leitos de hospitais teve queda, segundo o governo do Estado. O número de novas internações caiu 14,7%. O número de internados em São Paulo também caiu de 31.175 em 31 de março para 28.127 nesta sexta (9).

Apesar da ocupação de UTI em 11 das 17 regiões do Estado estarem acima de 90%, a ocupação geral no território paulista é de 88,3%. A média de mortes provocadas pela Covid-19 é de 684 por dia.

MAIS – Acesse o site do Plano SP.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui