Assembleia na empresa Deca nesta sexta, 11, comandada pelo presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de SP e Mogi e da Força Sindical, Miguel Torres, alertou para a precarização das condições de trabalho na fábrica.

A Deca, que faz parte do sindicato patronal Siamfesp (da Indústria de Artefatos de Metais Não Ferrosos no Estado de São Paulo) e que também não fechou a Convenção Coletiva neste ano, insiste em sua política e há três anos não fecha acordos, atacando importantes conquistas dos trabalhadores.

Miguel Torres afirmou que a situação será denunciada ao Ministério Público do Trabalho e que pretende mostrar aos consumidores como os funcionários da fábrica estão sendo tratados.

Campanha – A Campanha Salarial da categoria tem data-base em 1º de novembro. Até o momento, 70% dsos trabalhadores do Estado já foram contemplados com reajuste pelo INPC e a manutenção das Convenções Coletivas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui