15.1 C
São Paulo
sábado, 13/07/2024

1º de Maio virtual alcança 10 milhões e dá nova amplitude à luta do trabalhador

Data:

Compartilhe:

A celebração do 1º de Maio realizado pelas plataformas digitais de modo unitário pelas Centrais Sindicais entra pra história e derruba a dependência ante a grande mídia.

Além da transmissão pelas mídias sociais das entidades de classe, o evento foi destaque no canal aberto da TVT (TV dos Trabalhadores) e na Rádio Brasil Atual (98,9 FM), ocupando lacunas deixadas pela imprensa comercial do Brasil.

A estimativa de público alcançado supera 10 milhões de pessoas, conta à Agência Sindical  Paulo Salvador, diretor-geral da Rede Brasil Atual. A transmissão do evento colocou a TVT em quarto lugar como emissora de televisão aberta na grande São Paulo e a Rádio Brasil Atual ficou entre as 30 mais ouvidas.

Desafio – Para Salvador, a pandemia fez com que sindicalistas se reinventassem. “Foi um desafio, porque não dava pra fazer presencial devido à quarenta imposta pela pandemia que estamos enfrentando. Mas, com isso, a gente aprendeu e cresceu”.

Paulo explica que a aferição não conta sites, blogs e redes sociais de parceiros e de diversas entidades que fizeram do evento sucesso de público. “Esse número de 10 milhões é uma estimativa. O alcance pode ter sido bem maior”, diz. A Agência Sindical particiou da divulgação do Dia do Trabalhador on-line.

Palanque – O sucesso fez com que o principal telejornal do País, na Globo, rompesse seu bloqueio. Com imagens geradas pela TVT, o Jornal Nacional exibiu falas de ex-presidentes e ex-candidatos – como Lula, Dilma, FHC, Ciro Gomes e Marina Silva – e personalidades políticas que há anos não ocupavam o mesmo palanque.

Para Paulo Salvador, foi um acerto colocar gente de várias posições políticas. “Depois de décadas dedicando-se a criminalizar Lula, Dilma e a esquerda, o Jornal Nacional mostrou os ex-presidentes do PT na condição de atores políticos cujas vozes precisam ser ouvidas”, diz.

Parceria – Diretor de programação da TVT, Antônio Jordão Pacheco, explica que a divulgação prévia e ação conjunta da emissora, da Rádio Brasil Atual e da RBA com comunicadores, artistas e ativistas fizeram deste 1º de Maio uma das maiores manifestações do Dia do Trabalhador. “Foi um pool de ações que alcançou um público carente por esse tipo de produto, que não tem espaço na mídia tradicional. Foi um acerto no formato, no caráter unitário, nas atrações musicais e nas participações políticas. Estão todos de parabéns”, afirma Jordão.

Assista – Acesse a TVT e confira como foi o 1º de Maio virtual.

 

Conteúdo Relacionado

Consultor vê País normalizado e Lula mais forte

O ambiente nacional está mais calmo. A economia vai bem. As relações entre Executivo e Legislativo avançaram. E as condições para o diálogo e...

Sindicato e UGT apoiam luta nos EUA

O Sindicato dos Comerciários de São Paulo (filiado à UGT) foi representado pela diretora Maria das Graças da Silva Reis nos atos da Campanha...

Futebol Metalúrgico faz final domingo

Termina dia 14, domingo, o 27º Campeonato de Futebol dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região (Grande SP). Competição já teve 57 partidas, com 195...

Foi forte o Dia da Luta Operária

Teve grande participação sindical e popular a edição 2024 do Dia da Luta Operária, em 9 de julho. Mesmo com frio intenso e chuva,...

Mercado é 0,5% da população, diz economista

Nas últimas semanas, a palavra mercado foi uma das mais utilizadas na mídia, principalmente pelos comentaristas de economia.O viés ideológico dessa cobertura empodera o...