Categorias se mobilizam pela eleição de Lula

0
168
Lula

Além das Notas e presença em atos de campanha, o sindicalismo quer mais. Dirigentes de vários segmentos vão às bases pedir voto a Lula e denunciar os desmandos bolsonaristas.

online pharmacy buy flagyl no prescription pharmacy

Metalúrgicos SP – “Até dia 29, visitaremos terminais de transporte, corredores comerciais e outros locais de concentração popular. Cedo e à tarde”, afirma Miguel Torres, presidente do Sindicato em SP e Mogi das Cruzes.

online pharmacy buy orlistat no prescription pharmacy

Bancários – Comando Nacional produziu ainda no primeiro turno Documento pró-Lula, com 13 motivos pra não votar em Bolsonaro. Segundo Juvândia Moreira, presidente da Contraf-CUT, “o material geral está sendo massificado pelas redes sociais e cada Sindicato, em sua base, decide se imprime boletim, se visita banco ou realiza outras atividades”.

Metalúrgicos Guarulhos – Os diretores publicaram manifesto pró-Lula no segundo turno, repercutido na mídia local. Na sexta (7), boa parte da direção e mesmo ex-dirigentes estiveram no Centro da cidade numa caminhada com Lula e Haddad.

Cinema – Sonia Santana, presidente do Sindcine, gravará vídeo mostrando os estragos bolsonaristas na cultura, em prejuízo do setor de audiovisual e da produção cultural nacional.

Peça será massificada nas redes da entidade e da UGT.

Centrais – As entidades se reuniram quinta (6) em São Paulo, quando firmaram posição unitária a favor da chapa Lula/Alckmin.

online pharmacy buy lexapro no prescription pharmacy

Nota afirma: “É hora de derrotar o governo da fome, miséria e retirada de direitos”. Outra deliberação: “Orientamos que os dirigentes, militantes e ativistas se dediquem com prioridade absoluta ao trabalho de base”. Não há, contudo, uma agenda de ações indicada.

INFORMAÇÕES – Sites dos Sindicatos, Contraf/CUT e das Centrais.

A NOTA – Clique aqui e leia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui