15.6 C
São Paulo
sábado, 15/06/2024

Centrais apoiam grevistas na Renault Paraná

Data:

Compartilhe:

As Centrais Sindicais abaixo-assinadas reforçam a solidariedade e intensificam apoio à greve dos metalúrgicos da Renault no Brasil.

Os companheiros da fábrica da Renault em São José dos Pinhais (PR), entraram em greve dia 7 de maio, após rejeitando a proposta da empresa quanto à Participação nos Lucros e Resultados 2024 (PLR).

Na proposta, a Renault se comprometia a pagar a primeira parcela, no valor de R$ 18 mil, até 10 de maio, e continuar a negociação do valor da segunda parcela e da data-base com o Sindicato dos Metalúrgicos de Curitiba (PR).

O que os trabalhadores reivindicam é uma proposta que já contemple a PLR com valor total mais aumento real data-base, para os salários e o vale- mercado.

Reforçamos a reivindicação. E pedimos que a empresa tenha sensibilidade social pra entender que salário digno, PLR e vale-mercado são formas de distribuir renda e fortalecer a economia.

Quando as negociações coletivas são valorizadas, trabalhadores, empregadores e toda a sociedade ganham!

São Paulo, 22 de maio de 2024

Sérgio Nobre, Presidente da CUT (Central Única dos Trabalhadores).
Miguel Torres, Presidente da Força Sindical.
Ricardo Patah, Presidente da UGT (União Geral dos Trabalhadores).
Adilson Araújo, Presidente da CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil). Moacyr Roberto Tesch Auersvald, Presidente da NCST (Nova Central Sindical de Trabalhadores).
Antonio Neto, Presidente da CSB, (Central dos Sindicatos Brasileiros).
Nilza Pereira, secretária geral da Intersindical Central da Classe Trabalhadora.
José Gozze, Presidente da PÚBLICA, Central do Servidor.

Conteúdo Relacionado

Cesta básica sobe, mostra o Dieese

Pesquisa mensal do Dieese apura que em maio o valor do conjunto de alimentos básicos aumentou em 11 das 17 Capitais. A Pesquisa Nacional...

Sindicato de Niterói firma aditivo com avanços

Mais uma vitória para uma grande parcela de frentistas no Estado do Rio de Janeiro. Desta vez, de Araruama, Cachoeira de Macacu, Guapimirim, Iguaba...

Miguel da Força defende democracia e inclusão

Na quarta (12), Miguel Torres falou em nome do sindicalismo nacional e da classe trabalhadora na Conferência da Organização Internacional do Trabalho, em Genebra,...

CUT debate os impactos dos parques eólicos para a classe trabalhadora

A CUT debateu nesta terça-feira (11) e quarta-feira (12) em Natal, no Rio Grande do Norte, os impactos dos parques eólicos nas comunidades locais,...

Químicos de Rio Claro fazem Curso de Fortalecimento da CIPA

O Sindicato dos Químicos de Rio Claro e Região, em parceria com o DIESAT e com o apoio da FEQUIMFAR, realiza entre os dias 10...