19.1 C
São Paulo
segunda-feira, 24/06/2024

Força critica decisão do Copom de manter Selic em 13,75%

Data:

Compartilhe:

A Força Sindical emitiu nota criticando a decisão do Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) de manter, em 13,75% a Selic – taxa básica de juros. O anúncio foi feito na noite da quarta-feira (1º).

Miguel Torres, presidente da central ressalta que os membros do Copom precisam sair do “Modo Acomodação”, privilegiando os especuladores e rentistas, e, entrar, rapidamente, no “Modo Contestação”, direcionado a economia para o crescimento econômico e geração de empregos. “É uma insensibilidade social”, afirmou em nota.

O sindicalista lamentou profundamente que a produção, o crescimento e a geração de empregos sejam os grandes perdedores com esta decisão do Copom. “Infelizmente, a decisão do Copom fortalece os obstáculos ao desenvolvimento com distribuição de renda do País.”

NOTA – Clique aqui e leia na íntegra.

Conteúdo Relacionado

Avançam as negociações pró-custeio sindical

Centrais, Confederações e outras entidades, com apoio das assessorias, articulam em Brasília um modelo estável de custeio sindical.Para André Santos, originário do Diap e...

Sindicato dos Metalúrgicos negocia e mais 400 recebem PLR

O Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região conduziu, entre segunda (17) e terça, dia 18, mais duas assembleias de Participação nos Lucros e/ou...

Greve na Renault conquista R$ 25 mil de PLR

A forte greve na Renault/Horse, em São José dos Pinhais, PR, terminou com avanços. Após o fim da movimento, de um mês, a empresa decidiu...

Comerciários aumentam serviço médico

O Sindicato dos Comerciários de Guarulhos aumentou as parcerias médicas. Agora, além de tratamento odontológico, sócios e dependentes dispõem de consulta gratuita com cardiologista...

Centrais e Lula clamam pela queda dos juros

As Centrais Sindicais protestaram na terça (18) em frente ao Banco Central, em SP, reivindicando a continuidade da queda nas taxas de juros -...