19.2 C
São Paulo
quarta-feira, 29/05/2024

Força Sindical realizou Encontro Nacional de Comunicação

Data:

Compartilhe:

A Força Sindical realizou na manhã desta quinta (14) um bem-sucedido Encontro de Comunicação.

O evento, híbrido, reuniu lideranças e jornalistas na sede da Central, na Liberdade, SP, e também por aplicativo, permitindo a participação de dirigentes e comunicadores de várias regiões. O mote do evento foi “fortalecer a comunicação, como meio de fortalecimento do próprio sindicalismo”.

Miguel Torres, presidente da Central, há tempos prega a necessidade de articular a rede de comunicação da entidade, que tem 1.750 filiadas. Ao iniciar o Encontro, o dirigente afirmou: “A reunião de hoje abre uma série de outras, a fim de debater comunicação e fazer encaminhamentos práticos”.

Uma das ideias surgidas no Encontro, e apoiada por Miguel Torres, propõe a formação de um banco de dados dos comunicadores da Central. Com isso, a Força busca agregar sua imprensa, imprimindo mais regularidade ao fluxo de informações e ao compartilhamento de conteúdos.


Convidados – Falaram João Guilherme Vargas Netto, consultor sindical, e André Janones, deputado federal mineiro do partido Avante. Para Vargas, a comunicação sindical precisa falar com o conjunto das categorias, evitando a armadilha de se limitar à bolha das direções ou dos ativistas.

Janones, que utiliza com eficácia as redes sociais – especialmente com o público de renda menor – saudou a iniciativa da Força, que também visa repercutir, com regularidade, ações governamentais benéficas ao povo. Sobre esse desafio, O deputado alertou: “Não podemos deixar a tarefa da comunicação nos ombros de um homem só, o presidente Lula. Ministros e líderes partidários precisam se alinhar nesse esforço”.

O deputado também alertou que comunicação nas redes sociais não é vale-tudo. “A irresponsabilidade é método da extrema direita”, disse. Para André Janones, à mídia de viés popular ou a sindical cabe o desafio “de fazer de forma concentrada, articulada e com regularidade”.Segundo Miguel Torres, em breve ocorrerá novo Encontro, buscando efetivar o banco de profissionais da mídia sindical. E mais, segundo ele: definir um marco técnico e político para os conteúdos próprios ou acerca de temas ligados ao mundo do trabalho e à inclusão social.

Agência – João Franzin, coordenador da Agência Sindical, participou presencialmente e sugeriu medidas práticas pelo fortalecimento da imprensa dos trabalhadores.

O Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região indicou a jornalista Ângela Calabria para participar o Encontro. Pela Federação dos Papeleiros no Estado de SP compareceu Walter Soares da Paixão, jornalista.

MAIS – Acesse: www.fsindical.org.br

Conteúdo Relacionado

Brinks Limão elege nova Cipa

Dia 22, ocorreu nova eleição da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) na Brinks Limão, em São Paulo.Acompanharam as votações, das 5 da...

Clube e Colônia dos Metalúrgicos ficarão abertos no feriado

O feriado prolongado, de quinta a domingo, estimula o lazer das famílias e a prática de esportes. Portanto pra quem vai emendar o feriado...

Sindicalista Magri faz mudança audaciosa

Entre meados dos anos 70 e durante a década de 80, ele foi um dos principais dirigentes brasileiros. Do alto do seu porte, forjado...

Frentistas do Paraná fecham Convenção

Em negociação conjunta, os Sindicatos de Trabalhadores de Posto de Combustíveis e Lojas de Conveniência de Cascavel, Ponta Grossa, Londrina, Curitiba e Maringá fecharam,...

Conheça a nova Pauta Sindical

Dia 22, a plenária das Centrais Sindicais atualizou a Pauta Unificada da Classe Trabalhadora aprovada em abril de 2022, com 63 itens. O documento...