Metalúrgicos de São Paulo buscam vale-gás

0
388
vale-gás
Diretor Silva, de camiseta branca, conduziu a assembleia

Os 55 trabalhadores OGC Molas, bairro Socorro, Zona Sul de São Paulo, serão beneficiados com o vale-gás. Eles fazem parte do primeiro acordo firmado pelo Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes. Negociação foi conduzida pelo diretor José Silva.

“É apoio emergencial, pra ajudar nessa época de custo de vida muito alto e também uma crítica à carestia”, afirma Miguel Torres, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes, da CNTM e da Força Sindical.

A empresa fornecerá três vales-gás, de R$ 80,00 cada, pagos em um cartão pré-pago, nos meses de outubro, janeiro e março.

Os cerca de 650 mil metalúrgicos ligados à Força Sindical no Estado de São Paulo se encontram em campanha salarial (data-base é 1º de novembro). A pauta unificada reivindica vale-gás pra toda a categoria metalúrgica. Miguel Torres diz: “O acordo firmado na OGC Molas abre portas”.

Se a cláusula do vale-gás na Convenção Coletiva de Trabalho para toda a categoria for melhor, ou seja, se estabelecer valores maiores, a diferença será paga para os metalúrgicos da OGC.

Morte – Nesta semana, a imprensa e as redes sociais divulgaram a morte de Geisa, 32 anos, vítima de incêndio ao tentar cozinhar com etanol. Seu bebê, de sete meses, também foi atingido, mas está a salvo.

Acesse – metalurgicos.org.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui