23.4 C
São Paulo
sábado, 15/06/2024

Monte a chapa. Leve a cola

Data:

Compartilhe:

No domingo, o eleitor vai escolher deputado federal, deputado estadual, senador, governador e presidente da República. A pessoa não poderá entrar na cabine com o celular pra consultar números e nomes.
online pharmacy https://www.gcbhllc.org/files/pdf/symbicort.html no prescription drugstore

Portanto, sugiro duas providências: 1) Montar desde já a sua chapa completa – de deputado federal a presidente da República; 2) Fazer sua cola pessoal (escrita ou impressa) e levar pra cabine. Usar cola é permitido pela justiça eleitoral.

Montar a chapa desde já facilitará escolher com antecedência e mais tempo. Ou seja, dará pro eleitor pensar e repensar o nome do candidato, consultar sua biografia, conhecer seu trabalho e verificar se suas propostas são boas ou se são demagogia.

O cidadão é livre e vota em quem quiser.
online pharmacy https://www.gcbhllc.org/files/pdf/zoloft.html no prescription drugstore
Mas eu recomendo que os companheiros optem por candidatos vinculados ao mundo do trabalho, ao sindicalismo, ao fortalecimento do mercado interno e à distribuição de renda. Ao optar por esses, a pessoa irá separar o joio do trigo. Ou seja, descartará candidatos sem compromisso com a classe trabalhadora.

No caso dos federais, procure saber como ele votou na reforma trabalhista e Previdenciária, que prejudicou todo cidadão. No caso dos estaduais, como ele votou no projeto do transporte gratuito dos aposentados do Estado de SP e na luta em defesa dos professores. Caso seja candidato pela primeira vez, analise as propostas e decida.

Todos os direitos que o povo possui foram conquistados. Inclusive o direito de votar. Antigamente, só votavam os donos de propriedades ou as pessoas mais cultas e letradas. Hoje, o voto é direito de todos. Em sendo direito de todos, deve ser valorizado e praticado.
online pharmacy https://www.gcbhllc.org/files/pdf/trazodone.html no prescription drugstore
Neste mundo, não se deve abrir mão de um único direito.

ENJOADOS – Tem gente pra quem nenhum candidato presta. Aí, essas pessoas não vão votar ou anulam seu voto. Acontece que essas pessoas são as primeiras a reclamar dos governantes e dos políticos em geral. Então, eu pergunto: – Quem se omite na eleição tem direito de reclamar depois? Eu entendo que não.

Fica aqui a minha mensagem: Neste domingo, dia 2, não deixe de votar. Exerça o seu direito de escolher. E, depois, fiscalize os eleitos. Fiscalize e exija que eles trabalhem em benefício do povo e da Nação. Democracia é boa. Mas democracia com participação popular é ainda melhor!

CAMPANHA – Os cerca de 600 mil metalúrgicos ligados à Força Sindical estão em campanha salarial. Domingo, dia 25, a assembleia da categoria aprovou a pauta. Nossa Federação encaminhará a pauta aos grupos patronais, para negociações.

Peço a todo metalúrgico e a toda metalúrgica que participem da campanha salarial. Peço ao trabalhador que se informe por meio das redes sociais do Sindicato e que também compareça às assembleias de campanha. Sindicalismo é bom. Mas sindicalismo com participação da base é melhor ainda.

Portanto, na hora de votar, vote com vontade. Na hora de participar, participe com determinação!

Josinaldo José de Barros (Cabeça)
Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região.
Email – josinaldo@metalurgico.org.br
Site – www.metalurgico.org.br

Clique aqui e leia mais artigos

Josinaldo - Cabeça
Josinaldo - Cabeça
Josinaldo José de Barros (Cabeça), presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região Email - josinaldo@metalurgico.org.br

Conteúdo Relacionado

12 de Junho: o mundo pelo fim do trabalho infantil – Luiz Carlos Motta

Por ocasião das celebrações do Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, lembrado em 12 de junho, a Federação dos Comerciários do Estado de...

Conscientizar para combater a violência contra o idoso – Milton Cavalo

Este sábado (15) é definido como o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa. Para algumas pessoas esse título pode ser...

Sobre a Correção do Fundo de Garantia – Eliseu Silva Costa

O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou no dia 12 que as contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) devem ser corrigidas...

Valorização do trabalho é fonte de bem estar social e crescimento econômico – Adilson Araújo

Marcando uma profícua diferença com os governos dos golpistas Michel Temer e Jair Bolsonaro, quando a tônica foi a estagnação e recessão econômica, sob...

As tarefas sindicais – Ricardo Pereira de Oliveira

Nossa base tem cerca de 47 mil trabalhadores, que trabalham em fábricas de todos os tamanhos, em Guarulhos, Arujá, Mairiporã e Santa Isabel.A atuação...