Saiba regularizar o CPF de forma prática para ter acesso ao auxílio emergencial

0
345

Para ter acesso ao auxílio emergencial do governo, o CPF dos requerentes deve estar regularizado. Essa é uma das exigências para que o pagamento seja feito.

O CPF é considerado irregular quando, por exemplo, o trabalhador deixou de entregar declarações de Imposto de Renda, tem pendências com a Justiça Eleitoral ou por algum tipo de fraude. Dados pessoais incompletos ou incorretos também podem ocasionar irregularidade do documento.

A situação cadastral do CPF deve ser consultada pelo site da Receita Federal. Caso seja necessário regularizar o documento, é possível alterar os dados preenchendo formulário online. Se por acaso a regularização não for resolvida, o usuário pode entrar em contato através do Chat RFB.

Se em nenhuma dessas situações a regularidade for atingida, o atendimento pode ser feito por e-mail. Para isso, é preciso enviar a documentação exigida pelo órgão.

A Receita pede que as pessoas só compareçam às agências em último caso. Devido à necessidade de isolamento social, o quadro de funcionários foi reduzido e o atendimento presencial é restrito.

Veja abaixo a lista de e-mails por Estado:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui