19.2 C
São Paulo
quarta-feira, 29/05/2024

Seminário dos Engenheiros aponta soluções para a indústria

Data:

Compartilhe:

O programa “Cresce Brasil”, da Federação Nacional dos Engenheiros, deu um passo adiante, dia 28, com o Seminário “Como estabelecer uma indústria de semicondutores no Brasil”. Evento aconteceu na sede do Sindicato da categoria, Centro, São Paulo.
Vários palestrantes, das áreas privada, pública e acadêmica, participaram. As posições plurais não dispersaram o objetivo central do evento, ou seja, a necessidade de se construir no Brasil uma fábrica (ou mais) de semicondutores, essenciais à indústria.

Falaram o coordenador do Conselho Tecnológico do Sindicato dos Engenheiros e professor titular da Escola Politécnica de USP, José Roberto Cardoso; e Antonio Corrêa de Lacerda, economista e professor PUC-SP.

Representantes da indústria também participaram, entre os quais Nilton Morimoto, da Associação Brasileira da Indústria de Semicondutores, e Fernando Momesso Pelai, especialista do Deptº de Competitividade e Tecnologia da Fiesp. Presentes ainda o governador do Acre, Gladson Cameli, e o Secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de SP, Vahan Agopyan.

Murilo Pinheiro, presidente do Sindicato dos Engenheiros do Estado de SP e da FNE, comenta: “Temos a necessidade de produzir semicondutores, temos matéria-prima em abundância, temos tecnologia e engenharia qualificada, então falta pegar e fazer. Não queremos fechar mercado pra ninguém e sim fortalecer nossa indústria”.

Recursos – Também não faltam. O vice-presidente da República e ministro da Indústria e Comércio, Geraldo Alckmin (que ficou em Brasília devido à viagem de Lula ao Exterior) gravou vídeo no qual anunciou liberação de recursos para a chamada “neoindustrialização”, que, nas suas palavras, é chave ao desenvolvimento e à soberania.

O professor Antônio Correia de Lacerda destacou a oportunidade do Seminário, centrado na questão dos semicondutores, utilizados largamente no processo industrial. Ele vê condições políticas, junto ao governo e ao Congresso, rumo à fabricação nacional de componente estratégico à indústria nacional.

MAIS – Sites do Seeesp e da FNE.

Conteúdo Relacionado

Brinks Limão elege nova Cipa

Dia 22, ocorreu nova eleição da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) na Brinks Limão, em São Paulo.Acompanharam as votações, das 5 da...

Clube e Colônia dos Metalúrgicos ficarão abertos no feriado

O feriado prolongado, de quinta a domingo, estimula o lazer das famílias e a prática de esportes. Portanto pra quem vai emendar o feriado...

Sindicalista Magri faz mudança audaciosa

Entre meados dos anos 70 e durante a década de 80, ele foi um dos principais dirigentes brasileiros. Do alto do seu porte, forjado...

Frentistas do Paraná fecham Convenção

Em negociação conjunta, os Sindicatos de Trabalhadores de Posto de Combustíveis e Lojas de Conveniência de Cascavel, Ponta Grossa, Londrina, Curitiba e Maringá fecharam,...

Conheça a nova Pauta Sindical

Dia 22, a plenária das Centrais Sindicais atualizou a Pauta Unificada da Classe Trabalhadora aprovada em abril de 2022, com 63 itens. O documento...