Os organizadores da final da Libertadores, sábado, no Maracanã, mostraram irresponsabilidade com a saúde pública. No ápice da pandemia, juntaram mais de cinco mil num único setor do estádio. Ao final, pra comemorar ou lamentar, pessoas se juntaram, se abraçaram, muitas sem máscara.
No sábado, o Brasil chegava a 223.945 mortos pela Covid-19.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui