O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou quinta (10) aumento de 20% nos salários de agentes de segurança e profissionais da saúde, da ativa e aposentados. Demais servidores estaduais terão reajuste de 10% na remuneração.

A proposta ainda depende da aprovação da Assembleia Legislativa.

Os servidores da Polícia Civil, Polícia Militar (e Bombeiros), Polícia Científica e os agentes penitenciários Fazem parte da primeira categoria. Na segunda estão médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e demais profissionais contratados diretamente pelo estado.

Sindsaúde – O Sindicato dos Trabalhadores Públicos da Saúde de São Paulo alega que o percentual divulgado não repõe as perdas salariais de 24,45% dos últimos anos. O último reajuste, de 3,5%, foi em 2018.

Em nota, o Sindsaúde-SP mostra que os trabalhadores estão pagando o próprio reajuste. “Com a reforma da previdência, houve aumento de 11% para 14% na contribuição dos trabalhadores.

Com a reforma administrativa, houve congelamento do reajuste do adicional de insalubridade. Também ocorreu alta de 3% na alíquota do IAMSPE, incluindo dependentes. Congelaram a progressão e a promoção, além da contagem de tempo para efeitos de licença-prêmio, quinquênio e sexta-parte”.

MAIS – Clique aqui e veja o site do Sindsaúde-SP.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui