19.2 C
São Paulo
quarta-feira, 29/05/2024

Centrais Sindicais advertem sobre assédio eleitoral

Data:

Compartilhe:

Começa a ser veiculado material unificado das Centrais Sindicais referente à liberdade de votar. A manchete do informativo alerta: “Coação eleitoral é crime!”

Começa a ser veiculado material unificado das Centrais Sindicais referente à liberdade de votar. A manchete alerta: “Coação eleitoral é crime!”

O boletim é assinado pela CUT, Força Sindical, CSB, CTB, UGT e Nova Central. O texto se apoia em orientação do Ministério Público do Trabalho, cuja recomendação é que “patrões não pratiquem qualquer coação política sobre os trabalhadores, sob pena de serem responsabilizados e punidos.” O MPT publicou a Recomendação 01/2022 acerca do tema.

O folheto das entidades orienta: Não ceda a coações de patrões; Não aceite que alguém exija prova de seu voto; Não filme o ato de votar nem fotografe; Não concorde com qualquer forma escrita ou por comprovantes impressos que possam revelar o seu voto”.

online pharmacy buy orlistat no prescription pharmacy

As Centrais também citam os Artigos 5º e 14º da Constituição, que asseguram o pleno direito de opção política, bem como ressaltam a força da soberania popular por meio do voto secreto.

online pharmacy buy doxycycline no prescription pharmacy

No verso, informativo diz: “Somos a maioria. Exigimos respeito!”. E indica práticas que significam assédio político-eleitoral.

CASOS – Para o presidente da Força, Miguel Torres, “essa pressão vem desde 2018 de parte do empresariado que quer impor sua posição aos empregados”. Ele cita ocorrências em vários locais. Miguel afirma: “A pressão se avoluma.

online pharmacy buy singulair no prescription pharmacy

Tem o caso de uma mulher do agro de Minas falando que quem votar em Lula será mandado embora” – (clique aqui e assista ao vídeo).

MASSIFICAÇÃO – As Centrais orientam os filiados a massificar o boletim em suas redes sociais. Também a colocar o logo de cada entidade no cabeçalho do folheto. Elas estudam um dia de panfletagem presencial.

MINISTÉRIO – Quinta, dia 15, haverá reunião em Brasília entre dirigentes das Centrais Sindicais e o Procurador-geral de Justiça do Ministério Público.

MAIS – Clique aqui e leia o boletim.

LEIA TAMBÉM:

SINDICATO HOMENAGEIA ELIFAS ANDREATO

FRENTISTAS DE GOIÂNIA INICIAM GREVE

METALÚRGICOS DE CURITIBA OBTÊM 4,45% DE AUMENTO

Conteúdo Relacionado

Brinks Limão elege nova Cipa

Dia 22, ocorreu nova eleição da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) na Brinks Limão, em São Paulo.Acompanharam as votações, das 5 da...

Clube e Colônia dos Metalúrgicos ficarão abertos no feriado

O feriado prolongado, de quinta a domingo, estimula o lazer das famílias e a prática de esportes. Portanto pra quem vai emendar o feriado...

Sindicalista Magri faz mudança audaciosa

Entre meados dos anos 70 e durante a década de 80, ele foi um dos principais dirigentes brasileiros. Do alto do seu porte, forjado...

Frentistas do Paraná fecham Convenção

Em negociação conjunta, os Sindicatos de Trabalhadores de Posto de Combustíveis e Lojas de Conveniência de Cascavel, Ponta Grossa, Londrina, Curitiba e Maringá fecharam,...

Conheça a nova Pauta Sindical

Dia 22, a plenária das Centrais Sindicais atualizou a Pauta Unificada da Classe Trabalhadora aprovada em abril de 2022, com 63 itens. O documento...