Exija respeito! – Chiquinho Pereira

0
67

O Sindicato dos Padeiros de São Paulo, dentro do contexto de retomada do desenvolvimento do Brasil, conseguiu importantes conquistas salariais para a categoria.Quem pisou na bola foi o setor patronal de SP, atrasando as negociações da Campanha Salarial 2023/2024 e tendo atitudes contrárias ao crescimento do setor.

A comissão de negociação patronal, na mais recente campanha salarial, foi formada por representantes, quase todos, de empresas que costumam não cumprir os Acordos e a Convenção Coletiva nem a CLT.

 Esta mesa patronal não reflete a verdadeira situação econômica do setor de panificação e confeitaria em SP, que é pujante, está em plena ascensão produtiva e conta com um aumento cada vez mais expressivo de clientes.

Exigimos que o setor patronal de SP, neste ano de 2024, melhore seus argumentos nas futuras negociações com o Sindicato dos Padeiros e respeite mais as empresas e a categoria.Contamos, enfim, com a presença de todos os trabalhadores e trabalhadoras nas mobilizações deste ano, por melhores salários, mais benefícios e condições de trabalho cada vez mais dignas. Venha para o Sindicato.
Sindicalize-se!

Chiquinho Pereira Presidente do Sindicato dos Padeiros de São Paulo e da Febrapan (Federação Brasileira dos Trabalhadores nas Indústrias de Panificação, Confeitarias e Padarias) e Secretário Nacional de Organização, Formação e Políticas Sindicais da UGT