Já está no ar edição 557 do Jornal do Engenheiro, produzido pelo Sindicato da categoria no Estado de São Paulo. A publicação digital aborda a chegada da internet 5G no País, a importância das ciências humanas para a Engenharia, o desemprego e outros temas.

A matéria principal fala da chegada da quinta geração da internet móvel no Brasil, que estreou em Brasília, em julho, e já tem cronograma pra cobrir o território nacional até 2030. O texto de Rita Casaro mostra o atual cenário da conectividade. Hoje, 82% das residências brasileiras têm acesso à internet. Há ainda cerca de 35 milhões de brasileiros desconectados.

Para o presidente do Sindicato, Murilo Pinheiro, o salto tecnológico não pode significar apenas melhores negócios para os fabricantes e operadores do setor, que são as megacorporações estrangeiras. “Deve-se pensar como se traduzirá em avanço para as condições de vida dos brasileiros, muitos dos quais hoje sem acesso adequado à rede mundial de computadores, e em oportunidades para a Engenharia e a indústria nacionais”, afirma.

O dirigente comenta essa modernização: “A Anatel deve cumprir seu dever de fiscalizar as obrigações das empresas. E também governo, universidades e institutos de pesquisa, indústria e entidades representativas da tecnologia devem pensar estrategicamente sobre o que representa essa oportunidade na geração de emprego qualificado e transferência de conhecimento e tecnologia, e atuar pra que haja ganhos efetivos ao desenvolvimento do País”.

Outros – O Jornal do Engenheiro entrevista o reitor da USP, Carlos Gilberto Carlotti Junior. Ele fala sobre sua aposta na qualidade da universidade. O editorial do presidente Murilo destaca a necessidade do Congresso atuar em prol da Engenharia. O informativo também fala da importância de se debater ciências humanas na Engenharia. Clique aqui e acesse a edição 557 do JE.

MAIS – Acesse o site dos Engenheiros de SP.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui