Mais de um em cada seis jovens está sem trabalho devido ao coronavírus

0
390

A Organização Internacional do Trabalho (OIT) divulgou nesta quarta (27) uma análise sobre o impacto da Covid-19 no mercado de trabalho, que aponta o efeito devastador e desproporcional da pandemia sobre os jovens trabalhadores e analisa as medidas que estão sendo tomadas para criar um retorno seguro ao trabalho.

De acordo com o estudo mais de um em cada seis jovens deixou de trabalhar desde o início da pandemia do coronavírus, enquanto os que mantiveram o emprego tiveram, em média, uma redução de 23% nas horas de trabalho, de acordo com a OIT.

Segundo o relatório, “Monitor OIT: COVID-19 e o mundo do trabalho”, os jovens estão sendo desproporcionalmente afetados pela pandemia e o aumento significativo e rápido do desemprego juvenil observado desde fevereiro está afetando mais as mulheres do que os homens.

A Organização pede a adoção de respostas políticas urgentes, em grande escala e direcionadas a apoiar a população jovem, incluindo programas abrangentes de garantia de emprego e formação nos países desenvolvidos, programas intensivos de emprego e garantias nas economias de baixa e média rendas.

Fonte: Força Sindical.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui