Liderados pelo Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Santa Branca, os trabalhadores iniciaram a Campanha Salarial 2021. Em assembleia, foi aprovada a pauta de reivindicações para este ano.

Os trabalhadores pedem reajuste salarial de 15%, com manutenção e ampliação dos direitos previstos nas Convenções Coletivas de Trabalho (CCT). Além disso, há a exigência da vacinação contra a Covid-19 de toda a população.

A pauta elaborada entre os metalúrgicos e o Sindicato foi entregue aos setores patronais no dia 2. O documento foi protocolado com 15 representantes, entre sindicatos e associações, incluindo duas empresas da base. As mobilizações já começaram e houve assembleias em nove fábricas. Em todas elas, as reivindicações foram aprovadas pelos empregados.

Trabalhadores já estão mobilizados na Campanha Salarial. Foto: Roosevelt Cássio/SindMetalSJC

Ataques – De acordo com a entidade sindical, o patronal já tenta dificultar a conquista dos trabalhadores. “Os patrões quiseram rebaixar a proposta de 15% de reajuste e disseram que, se conseguirem chega à inflação do período, deverão propor reajuste parcelado”, diz o Sindicato dos Metalúrgicos em Nota. A projeção da inflação no acumulado dos 12 meses para agosto de 2021 está entre 9,5% e 10% pelo INPC.

Segundo o secretário-geral da entidade, Renato Almeida, essa dificuldade imposta pelos empregadores já era esperada. “Mesmo lucrando alto, todo ano os patrões reclamam do índice de reajuste pra tentar rebaixar o salário do trabalhador e retirar direitos. Mas nós não vamos aceitar propostas descabidas como essas”, afirma Renato.

Para o dirigente, a união dos trabalhadores demonstrará força da categoria ante a tentativa de ataques do setor patronal. “A campanha salarial já começou com alerta e mobilizações. A luta segue firme rumo aos 15%”, conclui o diretor dos Metalúrgicos.

MAIS – Acesse o site do Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui