23.8 C
São Paulo
terça-feira, 18/06/2024

Metroviários de SP adiam greve para dia 23

Data:

Compartilhe:

Funcionários do Metrô de São Paulo decidiram adiar, para o próximo dia 23, a greve que aconteceria nesta quarta, dia 15. A decisão foi tomada em assembleia após audiência de mediação no Tribunal Regional do Trabalho – TRT, terça (14).

Nova audiência ficou marcada para o dia 22. O TRT solicitou ao Metrô que apresente uma proposta até essa data sobre o pagamento do Abono.

O valor é referente a Participações nos Lucros atrasadas (2020, 2021 e 2022). O metrô alega que aguarda autorização do Governo do Estado.

Contratação – A categoria também reivindica a realização de concurso público para repor o déficit de funcionários. Há tempos, o Sindicato dos Metroviários de São Paulo tem denunciado a defasagem no quadro de pessoal.

No início dos anos 1990, o Metrô transportava cerca de dois milhões de passageiros por dia, com 10 mil empregados. Hoje, são transportados em torno de 3,7 milhões de usuários, com um efetivo de cerca de 7 mil trabalhadores.

Segundo dados do Portal da Transparência, o Metrô tem 3.286 postos de operadores de transporte metroviário na empresa, mas apenas 2.385 vagas estão ocupadas. Ou seja, faltavam 901 vagas a serem preenchidas.

Na falta dos operadores de transporte, quem auxilia os passageiros são os agentes de segurança. A função também tem 152 postos de trabalho vagos.

O Sindicato alerta que a falta de funcionários é evidente para quem utiliza o sistema e prejudica a prestação de serviço à população. “Isso coloca em risco usuários e funcionários, além da insegurança que gera. É urgente a contratação por meio de concurso público. O que não é feito desde 2019”, afirma Alex Fernandes, diretor de Imprensa e Comunicação da entidade.

Agenda – Na próxima quarta (22), os metroviários voltam a se reunir em assembleia, após audiência no TRT. Como parte do protesto, a categoria retirou o uniforme e utiliza boton para denunciar a situação.

Mais – Acesse o site do Sindicato dos Metroviários de SP.

Conteúdo Relacionado

Metalúrgicos de Catalão conquistam avanços

Depois de muita negociação, terminou com boas notícias a Campanha Salarial 2024/2025 da John Deere, no Catalão, em Goiás. Os metalúrgicos conseguiram conquistar reajuste...

Cesta básica sobe, mostra o Dieese

Pesquisa mensal do Dieese apura que em maio o valor do conjunto de alimentos básicos aumentou em 11 das 17 Capitais. A Pesquisa Nacional...

Sindicato de Niterói firma aditivo com avanços

Mais uma vitória para uma grande parcela de frentistas no Estado do Rio de Janeiro. Desta vez, de Araruama, Cachoeira de Macacu, Guapimirim, Iguaba...

Miguel da Força defende democracia e inclusão

Na quarta (12), Miguel Torres falou em nome do sindicalismo nacional e da classe trabalhadora na Conferência da Organização Internacional do Trabalho, em Genebra,...

CUT debate os impactos dos parques eólicos para a classe trabalhadora

A CUT debateu nesta terça-feira (11) e quarta-feira (12) em Natal, no Rio Grande do Norte, os impactos dos parques eólicos nas comunidades locais,...