19.8 C
São Paulo
sábado, 22/06/2024

SindForte negocia e Piso da categoria chega até R$ 4.550,66

Data:

Compartilhe:

Os 12 mil trabalhadores no Transporte Valores no Estado de São Paulo conseguiram aumento real de salário e mantiveram todos os direitos da Convenção Coletiva. Eles têm data-base em 1º. de julho.

A negociação foi conduzida pelo SindForte SP. O reajuste linear é de 2,85%. O INPC acumulado ficou em 2,35%.

Piso – O maior Piso, de R$ 4.550,66, beneficia Vigilante Chefe de Equipe e também Condutor de Carro-Forte. O tíquete-refeição chega a R$ 35,77 por dia trabalhado. A Convenção garante dois tíquetes extras por mês ao vigilante embarcado. Vigilantes de guarnição, quando em férias, recebem 20 tíquetes de R$ 35,77.

O presidente João Passos diz: “A gente percebeu que a crise econômica seria longa. Por isso, em 2019, fechamos acordo por dois anos, garantindo os direitos e com 0,5% acima do INPC”.

LEIA – Para o setor de escolta armada, o Sindicato negocia no final do ano, pois a data-base é 1º de janeiro.

Conteúdo Relacionado

Avançam as negociações pró-custeio sindical

Centrais, Confederações e outras entidades, com apoio das assessorias, articulam em Brasília um modelo estável de custeio sindical.Para André Santos, originário do Diap e...

Sindicato dos Metalúrgicos negocia e mais 400 recebem PLR

O Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região conduziu, entre segunda (17) e terça, dia 18, mais duas assembleias de Participação nos Lucros e/ou...

Greve na Renault conquista R$ 25 mil de PLR

A forte greve na Renault/Horse, em São José dos Pinhais, PR, terminou com avanços. Após o fim da movimento, de um mês, a empresa decidiu...

Comerciários aumentam serviço médico

O Sindicato dos Comerciários de Guarulhos aumentou as parcerias médicas. Agora, além de tratamento odontológico, sócios e dependentes dispõem de consulta gratuita com cardiologista...

Centrais e Lula clamam pela queda dos juros

As Centrais Sindicais protestaram na terça (18) em frente ao Banco Central, em SP, reivindicando a continuidade da queda nas taxas de juros -...