18.7 C
São Paulo
sexta-feira, 24/05/2024

Engenheiros de São Paulo comemoram 89 anos de fundação

Data:

Compartilhe:

O Sindicato dos Engenheiros no Estado de SP completa 89 anos nesta quinta, 21. Nascido praticamente no momento que a Revolução de 30 iniciava a industrialização nacional, o Sindicato é, desde então, agente ativo nas iniciativas privadas e do Estado brasileiro.

A Agência Sindical ouviu Murilo Celso de Campos Pinheiro, engenheiro elétrico e presidente da entidade. Principais trechos:

Ciclos – “A engenharia esteve no primeiro ciclo de industrialização, nas ondas de urbanização, no desenvolvimentismo de JK, na era das grandes obras, nos saltos tecnológicos. E está nos dias atuais, em que tudo muda aceleradamente”.

Futuro – “Esse passado nos orienta ao futuro. No momento, os engenheiros se empenham num objetivo concreto, que é dotar o Brasil de uma fábrica de semicondutores, capaz de nos colocar na ponta da produção de um insumo vital às montadoras e a outros setores fabris”.

Ação – “Afora a defesa cotidiana do Piso e demais conquistas da categoria, o Sindicato busca, junto a governos e empresas, a permanente qualificação dos profissionais. Essa qualificação, aliada a Planos de Cargos e Salários, trará estabilidade ao quadro profissional, como também mais produtividade”.

Tradição – “Desde as caravelas, a engenharia está presente na vida nacional. Nossa profissão atua de ponta a ponta. O posto de trabalho pra um engenheiro gera mais 20 ocupações técnicas e operacionais”.

Seminário – “Programamos pra novembro um Seminário amplo, a fim de debater a questão dos semicondutores. Além dos próprios engenheiros, convidamos o Ministério da Indústria e Comércio, Fiesp, BNDES, empresas e a USP. Queremos a Academia nesse desafio”.

PAC 3 – “O Projeto Cresce Brasil, de nossa Federação Nacional e do Sindicato, com certeza, deu base aos primeiros PACs. Confiamos no potencial do PAC 3, com emprego pra categoria, obras e melhora na infraestrutura nacional. Tudo isso requer a presença do engenheiro”.

Social – “A função do engenheiro agrega um forte componente social, quando construímos, planejamos, desenvolvemos e atuamos no município, Estado ou União. Toda melhoria urbana eleva a qualidade de vida coletiva.”

Economia – “O Brasil está voltando a crescer, aquecendo o mercado no campo e na cidade. E nós seguimos as linhas mestras do programa Cresce Brasil. O País vai precisar de muito mais engenheiros, em amplos setores, como manutenção urbana, agronegócio e inovação tecnológica.”

Mulher – “A profissão era, inicialmente, masculina. Hoje, as mulheres já representam 30% na nossa atividade”.

MAIS – Acesse o site do Sindicato dos Engenheiros de SP.

Conteúdo Relacionado

Diap divulga prioridades para 2024

O Diap (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar) divulgou na quarta, 22, estudo que aponta as principais prioridades da classe trabalhadora brasileira para 2024.Intitulado "Pauta...

Abril tem ganho real em 77% das negociações

Os reajustes salariais em abril tiveram ganho real em 77% dos casos, segundo dados do boletim do Dieese que avalia as negociações coletivas no...

Engenharia pode ajudar Sul a se reerguer

Há vários anos, o Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo (Seesp) e a Federação Nacional da categoria defendem que Prefeituras e governos...

Caem os aumentos reais

Caiu em relação aos meses anteriores o índice de aumentos reais nas negociações coletivas. Os dados constam do mais recente boletim do Dieese -“De...

Plenária une ação de massa e diálogo político

Um sindicalista metalúrgico presente à Plenária Unitária das Centrais nesta quarta (22), em Brasília, avaliou como “muito positivas as ações de massa e também...