17.2 C
São Paulo
sexta-feira, 14/06/2024

Engenheiros debatem indústria de semicondutores

Data:

Compartilhe:

Data: 28 (terça). Das 13 horas às 18 horas, na sede, à rua Genebra, 25, Centro de São Paulo – ao lado da Câmara.

A Engenharia nacional defende a necessidade estratégica de se estabelecer uma indústria competitiva de semicondutores no País. Entende, para tanto, essencial  a atuação do poder público, da iniciativa privada e da academia, de modo articulado.

O seminário promovido pela Federação Nacional dos Engenheiros, por meio do seu projeto “Cresce Brasil + Engenharia + Desenvolvimento”, visa reunir os principais atores que deverão estar engajados para traçar um panorama das demandas, obstáculos e, principalmente, possibilidades de avanços.

O presidente da Federação, Murilo Pinheiro, vê na Engenharia um dos pilares de sustentação de um projeto nacional e desenvolvimentista. Atua, para tanto, junto à base, ao empresariado produtivo, governos e ao Congresso Nacional.

Ao longo dos anos, a Agência Sindical tem acompanhado esse esforço persistente e amplo, como agora por meio do Seminário da terça, 28.

Economia – Por falta de semicondutores, em 2022, as montadoras pararam 36 vezes e deixaram de produzir 250 unidades. Este ano, os fabricantes estimam que serão 125 mil veículos a menos.

Programação

13 horas –  Recepção e credenciamento

13h30 Abertura – Participação de Geraldo Alckmin, vice-presidente da República e ministro de Estado do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços.

15 horasEstratégias empreendedoras, investimentos públicos e privados. Por:  José Roberto Cardoso – Coordenador do Conselho Tecnológico do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo; Antonio Corrêa de Lacerda – economista, escritor e professor da PUC SP; Nilton Morimoto – Membro da Associação Brasileira da Indústria de Semicondutores (Abisemi); Fernando Momesso Pelai – Especialista do Departamento de Competitividade e Tecnologia da Fiesp.

16h30Desenvolvimento de tecnologia e qualificação da mão de obra. Por:  Marcelo Zuffo – Diretor do InovaUSP; Henrique Miguel – Secretário de Ciência e Tecnologia para a Transformação Digital do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação; Israel Guratti – Gerente do Depto. de Tecnologia e Política Industrial da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee); Gilberto Medeiros Ribeiro – Professor da UFMG; Augusto Cesar Gadelha Vieira – Presidente do Centro Nacional de Tecnologia Eletrônica Avançada e Adão Villaverde – Professor da PUC-RS.

18h – Encerramento

MAIS – E-mail secretaria@fne.org.br – telefone (11) 3113.2600 ou site do Seesp

Conteúdo Relacionado

Trabalhadores da Eletrobras deflagram greve por tempo indeterminado

80% do quadro adere à paralisação e dá remédio amargo aos patrões que não quiseram negociarOs trabalhadores do grupo Eletrobras estão de braços cruzados...

Bancários querem aumento real de 5%

Avança a campanha salarial do ramo financeiro ligado à Contraf-CUT. Um ponto alto foi a 26ª Conferência Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro, encerrada...

“É o meu maior prêmio”, diz Ricardo Kotscho

Sexta, 7, no Dia da Liberdade de Imprensa, o jornalista Ricardo Kotscho recebeu o troféu Audálio Dantas, na Câmara Municipal de São Paulo. A...

Sinpro realiza encontro das Católicas

Aconteceu entre 7 e 8 de junho o Encontro Nacional de Professores e Estudantes das Universidades Católicas. Evento foi organizado pelo Sinpro Campinas, em...

Adriana Marcolino assume a direção-técnica

Fundado em 1955, o Dieese vive uma situação inédita, com duas mulheres no comando principal da entidade. Na presidência, a sindicalista Maria Aparecida Faria,...