17.2 C
São Paulo
domingo, 21/04/2024

Centrais apoiam Piso da Enfermagem

Data:

Compartilhe:

As Centrais Sindicais estão solidárias com os trabalhadores da Enfermagem e discordam da decisão, no domingo (4), do Ministro do Supremo Tribunal Federal, Luís Roberto Barroso, que suspendeu os efeitos da Lei que institui o Piso Salarial da Enfermagem em todo o País.

O Piso seria pago já nessa segunda, dia 5, nos valores de R$ 4.750,00 para Enfermeiros; R$ 3.325,00 para Técnicos de Enfermagem; e R$ 2.375,00 para Auxiliares de Enfermagem e Parteiras. Com a liminar do Ministro, a Lei foi suspensa por 60 dias.

Importante ressaltar que a Lei 14.434/22 foi aprovada no Congresso Nacional e sancionada – parcialmente – pela presidência da República, e é resultado de amplo debate e fruto de um consenso da sociedade para a valorização de uma categoria profissional essencial, que esteve à frente, por exemplo, da recente e de outras crises sanitárias.

Nós, os representantes dos trabalhadores, conclamamos aos Ministros do STF sensibilidade social, visto que a Lei garante um Piso salarial digno aos profissionais da Enfermagem.

Com diálogo, acreditamos que o plenário do STF irá decidir de forma serena a favor da Lei e aprovar essa medida que só trará benefícios à sociedade.

São Paulo, 5 de setembro de 2022

Sergio Nobre, presidente da CUT. Miguel Torres, Presidente da Força Sindical. Ricardo Patah, Presidente da UGT. Adilson Araújo, Presidente da CTB. Oswaldo Augusto de Barros, Presidente da Nova Central Sindical. Alvaro Egea, Secretário-geral da Central dos Sindicatos Brasileiros.

LEIA TAMBÉM:

CONSELHOS DE ENFERMAGEM DISCORDAM DA DECISÃO DE BARROSO

O DESAFIO DE FORTALECER A NEGOCIAÇÃO COLETIVA

PLR NA USIMINAS PODE CHEGAR A R$ 9 MIL

Conteúdo Relacionado

Escola do Sinpro SP promove novos cursos

A Escola de Professores do Sinpro SP está com vagas abertas para dois novos cursos neste mês de abril. A programação é voltada para...

Portuários fazem paralisação em 14 portos do país

Trabalhadores portuários de diversas regiões do País fizeram uma paralisação de seis horas na manhã de quinta-feira, 18. A ação abrangeu 14 dos 32...

Sindicalismo mantém ganhos reais elevados

Segue alto o índice dos aumentos reais nas negociações coletivas. A avaliação é do Dieese, que publica o boletim mensal "De Olho nas Negociações". O...

Metalúrgicos de Guarulhos vão inaugurar trilha no Clube de Campo

O Clube de Campo do Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região é a maior e mais completa área de lazer da cidade. E...

Frentistas do Rio conquistam aumento de 7,3%

Avanços para os 11 mil trabalhadores em postos de combustíveis do Município do Rio de Janeiro. A Comissão de Negociação, que representa os empregados,...