19 C
São Paulo
quinta-feira, 13/06/2024

Central repudia congelamento salarial

Data:

Compartilhe:

A Nova Central repudia a decisão do governo de congelar o reajuste salarial dos servidores públicos federais de 2024. Moacyr Auersvald, dirigente da Central, solidariza-se com os servidores federais. A informação foi dada durante reunião da Mesa Nacional de Negociações Permanentes com o Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI).

Recompensa – José Lopes Feijoó, secretário da pasta, alegou “dificuldade orçamentária”. Como recompensa ofereceu aumento do auxílio-alimentação, passando de R$ 658,00 para R$ 1 mil e o auxílio-creche, de R$ 321,00 para R$ 484,90; e contrapartida dos planos de saúde, de R$ 144 para R$ 215.

Debate – Foram debatidos e esclarecidos pontos para o avanço das negociações, que reuniu representantes do governo e entidades sindicais.

Ivana Lima, presidente do Sindicato Nacional dos Servidores do Ministério das Relações Exteriores, que representou a Nova Central no evento, afirma que a posição do governo precisa ser repensada. “Gostaria de propor ao governo que repensasse minimamente os percentuais apresentados e inclua também as perdas inflacionárias que teremos nos próximos anos. Além do mais, que a proposta de aumento dos auxílios não seja só para maio”, diz.

MAIS – Sites da Nova Central e Sinditamaraty

Conteúdo Relacionado

Bancários querem aumento real de 5%

Avança a campanha salarial do ramo financeiro ligado à Contraf-CUT. Um ponto alto foi a 26ª Conferência Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro, encerrada...

“É o meu maior prêmio”, afirma Ricardo Kotscho

Sexta, 7, no Dia da Liberdade de Imprensa, o jornalista Ricardo Kotscho recebeu o troféu Audálio Dantas, na Câmara Municipal de São Paulo. A...

Sinpro realiza encontro das Católicas

Aconteceu entre 7 e 8 de junho o Encontro Nacional de Professores e Estudantes das Universidades Católicas. Evento foi organizado pelo Sinpro Campinas, em...

Adriana Marcolino assume a direção-técnica

Fundado em 1955, o Dieese vive uma situação inédita, com duas mulheres no comando principal da entidade. Na presidência, a sindicalista Maria Aparecida Faria,...

Comerciários entregam jornal na base

Edson Carvalho, presidente do Sincomerciários de Guarulhos, esteve na loja de materiais de construção A&M, em Santa Isabel, SP. O assessor de base Adailton...