Investimentos sindicais – Josinaldo José de Barros

0
40
A grande mídia gosta de divulgar investimentos vultosos particulares, principalmente se vierem do estrangeiro. A mesma imprensa divulga menos os investimentos estatais e nacionais, mas NUNCA repercute os investimentos sindicais.

Em Guarulhos, felizmente, jornais, programas de TV, blogs e outros meios costumam cobrir a ação sindical metalúrgica, bem como cursos, seminários, acordos de PLR, campeonatos de futebol e outras iniciativas.

Porém, as informações publicadas aqui e acolá não possibilitam aos trabalhadores e à opinião pública, em geral, uma ideia mais concreta a respeito dos feitos sindicais.

Por isso, relaciono vários investimentos e melhorias em nosso Clube de Campo, no Primavera, Guarulhos. Há outros, na Colônia de Férias. Mas vamos focar o Clube:

. Campo de futebol. Obras para amplo reparo e manutenção no gramado sintético, a fim de que o Campeonato de Futebol comece com tudo nos trinques.

. Churrasqueiras. Construímos mais 20 quiosques cobertos, com churrasqueiras, num total de 200.

. Oca. Obra que fez grande sucesso no Clube. Um espaço coletivo, para até 30 pessoas. Mais duas serão construídas.

. Piscina infantil. Trocamos o piso, pra maior segurança e conforto das crianças.

. Banheiros. Em construção, mais quatro, dois masculinos e dois femininos.

. Lanchonete. Cobertura da lanchonete próxima à Prainha.

. Chuveiro. Instalamos chuveirão na Oca, aos frequentadores. Um verdadeiro espanta-calor.

. Coletiva. É o salão de festas do Clube, pra até 150 pessoas, completa infraestrutura aos usuários. Ideal pra eventos e comemorações.

. Pesqueiro. Manutenção constante e renovação do estoque. Pra Semana Santa, mais cinco mil quilos. Ou seja, o peixe que a família consumirá na Semana Santa será pescado ali mesmo (Local só não funcionará a Sexta-Feira da Paixão).

. Com sete alqueires, nosso Clube em breve vai inaugurar uma bela trilha, pra caminhadas, corridas ou competições de atletismo.

Vale lembrar que o Clube de Campo recebeu várias melhorias no ano passado, como a construção de um Memorial e a instalação de placas de energia solar. Energia limpa.

Ressalto que todas essas realizações utilizaram receita própria, ou seja, recursos provenientes da própria categoria metalúrgica. Mais teríamos feito se Michel Temer não tivesse nos atacado com a Reforma Trabalhista de 2017.

O sindicalismo é uma força agregadora, que faz bem ao trabalhador e à família. Agradeço o apoio da nossa base e o empenho da diretoria do Sindicato.

A união da categoria e o empenho coletivo da direção geram esses frutos e muitos outros, que beneficiam o metalúrgico e também a sociedade.

Em tempo: instalaremos tobogã para as crianças e um Big Balde na piscina. Ou seja, mais melhorias.

Josinaldo José de Barros (Cabeça) – Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região. Diretoria Metalúrgicos em Ação