19.1 C
São Paulo
segunda-feira, 24/06/2024

Metalúrgicos esperam aumento real com Lula

Data:

Compartilhe:

No governo Bolsonaro, os metalúrgicos ligados à Força Sindical conseguiram manter os direitos das Convenções Coletivas.

Mas o aumento salarial ficou perto de zero: em todos os anos bolsonaristas, a negociação na data-base só obteve 0,4% acima do INPC.

O retorno do Presidente Lula reaviva as esperanças de que voltem os aumentos reais. Eliseu Silva Costa, presidente da Federação dos metalúrgicos de SP, diz: “A volta de Lula é também o retorno da esperança. Esperamos crescimento, emprego e renda”.

Para o sindicalista, “não se deve pensar num governo Lula, e sim no governo de todos os brasileiros, principalmente os trabalhadores”. Essa lógica “de um governo lá e nós cá não é certa”, diz. E arremata: “Vamos apoiar o companheiro, deixando claro que colocaremos nossas reivindicações nos momentos oportunos”.

Campanha – A Federação informa que na última semana avançou a negociação da categoria – cerca de 600 mil em todo o Estado, com data-base em 1º de novembro, mas pagamento a partir de janeiro, com um Abono de 15% ainda este ano. Novos acordos foram assinados com grupos patronais.

Segundo Eliseu Silva Costa, “os acordos assinados até o momento e mais dois com pequenos grupos previstos para o início desta semana devem cobrir mais de 90% da categoria”. Porém, persistem as dificuldades com o chamado Grupo 10/Fiesp e Siamfesp. Com este Grupo, há dissídio coletivo em andamento e previsão de nova tentativa de conciliação, dia 12, no TRT-SP.

Guarulhos – Nesta segunda (28), o Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região envia cartas a empresas, solicitando abertura de negociação, buscando fechar acordo coletivo por empresa. “Onde houver negociação, beleza. Onde não houver, adotaremos o caminho da pressão e da luta”, diz Josinaldo de Barros (Cabeça), presidente da entidade.

MAIS – www. fedmetalsp.org.br

Conteúdo Relacionado

Avançam as negociações pró-custeio sindical

Centrais, Confederações e outras entidades, com apoio das assessorias, articulam em Brasília um modelo estável de custeio sindical.Para André Santos, originário do Diap e...

Sindicato dos Metalúrgicos negocia e mais 400 recebem PLR

O Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região conduziu, entre segunda (17) e terça, dia 18, mais duas assembleias de Participação nos Lucros e/ou...

Greve na Renault conquista R$ 25 mil de PLR

A forte greve na Renault/Horse, em São José dos Pinhais, PR, terminou com avanços. Após o fim da movimento, de um mês, a empresa decidiu...

Comerciários aumentam serviço médico

O Sindicato dos Comerciários de Guarulhos aumentou as parcerias médicas. Agora, além de tratamento odontológico, sócios e dependentes dispõem de consulta gratuita com cardiologista...

Centrais e Lula clamam pela queda dos juros

As Centrais Sindicais protestaram na terça (18) em frente ao Banco Central, em SP, reivindicando a continuidade da queda nas taxas de juros -...