A Caixa Econômica Federal começou a liberar nesta quarta (20) a retirada de até R$ 1.

000,00 das contas individuais do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) que possuem saldo. O saque extra do benefício já pode ser realizado pelos trabalhadores.

A data do saque extraordinário é de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. No primeiro momento, está liberado apenas para os nascidos em janeiro (veja tabela abaixo). Nas estimativas da Caixa, são 3,9 milhões de pessoas aptas a retirar o dinheiro desde o dia 20 de abril.

Ao todo, 42 milhões de trabalhadores serão beneficiados.

Consulta – Desde o dia 8 de abril os trabalhadores podem verificar se têm direito ao benefício e a quantia disponível. As consultas podem ser feitas pelo site da Caixa, pelo aplicativo FGTS e nas agências da Caixa Econômica Federal (CEF).

MP – O dinheiro do FGTS, em geral, só pode ser sacado em situações específicas: demissão sem justa causa, compra da casa própria ou aposentadoria. Mas o governo publicou Medida Provisória em março, liberando o saque extraordinário.

Pedido – O dinheiro é disponibilizado automaticamente na conta do trabalhador no Caixa Tem. Se ele não tiver uma conta, a CEF abre uma automaticamente. Mas ninguém é obrigado a sacar. Quem não tiver interesse pode indicar que não deseja receber o saque extraordinário do FGTS, pelo aplicativo ou em uma agência.

MAIS – Acesse o site da Caixa Econômica Federal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui