Sindcine distribui 17 toneladas em alimentos pra associados na pandemia

0
363
Cerca de 600 cestas básicas serão distribuídas aos associados e seus familiares

A pandemia causada pela Covid-19 e a necessidade de isolamento social, a fim de evitar a propagação do vírus, têm causado grandes impactos econômicos na vida de brasileiros, que, sem ter como trabalhar, terminam o mês sem renda.

Pra amenizar essa situação, o Sindcine – Sindicato que representa os profissionais da área técnica da indústria do audiovisual, está distribuindo aos associados uma cesta básica com itens de primeira necessidade e de qualidade.

São 17 toneladas de alimentos, que beneficiarão em média 600 famílias, conta a presidente da entidade Sonia Santana. “É uma iniciativa do Sindicato para ajudar os técnicos do audiovisual e suas famílias neste período de emergência devido à pandemia”, ela explica.

As entregas são agendadas por telefone para evitar aglomerações. “Todo associado em dia com sua mensalidade entre março do ano passado e março deste ano tem direito à cesta básica”, a dirigente afirma.

Sonia explica que os recursos pra compra dos alimentos são do próprio Sindicato. Ela conta: “Temos um fundo que criamos, a fim de ajudar nossos associados quando necessário”.

A iniciativa comprova o papel social do Sindicato e a importância da sindicalização. “Desta forma, cumprimos nosso papel, que é ajudar a categoria. Temos um compromisso com nossos associados”, ela diz.

Segundo Sonia, é emocionante o momento da entrega da cesta. “Algumas pessoas já estão em situação de necessidade. Se pudermos, distribuiremos cestas também para os técnicos não-associados, mas os associados são a prioridade”, ela avisa.

Além da entrega das cesta básicas, o Sindcine tem participado de outros projetos em andamento de arrecadação e doações a trabalhadores necessitados. Em breve, novas informações serão divulgadas no site da entidade.

Mais – Acesse o site do Sindcine.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui