Vigilantes de SP terão reajuste salarial e aumento no vale-refeição

0
171

Desde 1º de janeiro vigora o novo acordo coletivo dos vigilantes patrimoniais do Estado de São Paulo. O reajuste salarial foi de 5,90% – referente ao IPCA acumulado.

O tíquete-refeição (ou VR) subiu mais e obteve 2,3% acima do IPCA do período. O Piso salarial, incluindo-se o Adicional de Risco de Vida, passou para R$ 2.540,79.

Total – Somando-se o Piso de R$ 1.954,45 ao Adicional de Periculosidade de R$ 586,34, o salário-base do patrimonial chega a R$ 2.540,79. Com mais R$ 521,25 de 15 dias de vale-refeição e R$ 179,57 da cesta básica, o ganho mensal soma R$ 3.241,61.

A negociação coletiva, que reúne diversos Sindicatos do Estado de São Paulo, também renovou a Convenção Coletiva. Com isso, estão garantidos seguro de vida, assistência médica, fornecimento de uniformes e outros direitos.

Campinas – O Sindicato local, com 12 mil patrimoniais na base, em diversas cidades, elabora jornal que será entregue nos postos de trabalho.

MAIS – Acesse o site dos Vigilantes de Campinas

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui